segunda-feira, 2 de maio de 2016

Por Que Não Somos Valorizados?

Você lançou um livro, mas os colegas da rede vivem te pedindo um exemplar grátis ou então você é blogueiro, mas os colegas vivem te pedindo pra revisar textos e fazer marketing virtual gratuito, entre outras coisas. Eventos literários são realizados e você acaba gastando muito mais que o programado.
Isso chega a dar uma amargura e ficamos a pensar no motivo de tantos outros terem dado certo.
Mas daí fica a questão: O que é preciso fazer para ser valorizado?

Não existem regras para isso, a não ser a autodivulgação, que deve ser moderada. Exposição demais causa certa estranheza, como se fosse uma "boemia virtual". Aparecer demais em tudo quanto for evento (inclusive os quais você não foi convidado) pode também desgastar a sua imagem.

Há uma frase que diz que "uma conversa é como uma boa refeição: devemos abandoná-la um pouco antes de nos fartar". O profissional que se expõe demais, também tende a parecer inconveniente. Devemos deixar saudade por onde passarmos e fazer a pessoa desejar o nosso breve retorno.
Quanto ao livro, fazer inúmeras postagens virtuais publicitárias podem causar um efeito negativo. Quem nunca foi banido de uma página ou até bloqueado por um amigo virtual por conta de postagens sequenciais inconvenientes? Para vender é preciso atrair atenção, despertar interesse e desejo do leitor e assim você arremata, retirando prontamente um exemplar de sua mochila e assim fechando a venda. No caso de um blogueiro, um profissional interessado
pesquisará no momento certo a sua biografia e assim fará uma boa proposta de trabalho, a qual você dará um certo tempo para analisar.

Esteja sempre preparado e mantenha sua biografia atualizada.

Leo Vieira


Acompanhe a campanha de incentivo à leitura "Leia + Livros", do Leo Terário.

® Leo Vieira- Direitos Reservados 

Nenhum comentário:

Postar um comentário