segunda-feira, 25 de abril de 2016

Editoras São Obrigadas a Apoiar o Autor?

Diversas vezes eu desenhei a diferença de uma editora tradicional para uma editora por demanda. A tradicional investe tudo e promove a obra, através de um contrato editorial. A editora por demanda presta apenas serviços gráficos, onde é o autor que investe o dinheiro, assinando um contrato de prestação de serviços.

Editora Tradicional- investe no livro
Editora por Demanda- você que investe no seu livro

Editora Tradicional- contrato editorial
Editora por Demanda- contrato de prestação de serviços

Editora Tradicional- distribui, vende, divulga e presta conta das vendas
Editora por Demanda- te entrega o lote de livros e expõe no site. O autor é que promove venda e divulgação.

Em editoras tradicionais, também acontece de ter em seus inúmeros títulos, obras que têm mais potencial de mercado, principalmente quando for um livro estrangeiro já sucesso de vendas. Nesse caso, mesmo sendo "concorrente de si mesma", ela vai optar em promover a obra mais conveniente.
Já em editoras por demanda, todos os títulos têm o mesmo valor e ficarão de exposição no site para atrair novos clientes, além de possíveis compradores de livros na loja virtual.


Resumindo: editoras não são obrigadas a apoiar o autor e nem mesmo devem ser culpadas por isso. Sabemos sim que existem escritores preciosos no mercado, mas mesmo assim, eles ralaram muito para chegar até lá. E uma pergunta fica no ar: será que você está disposto a aprender e a se desenvolver neste caminho das pedras para fazer por merecer?

Leo Vieira


Acompanhe a campanha de incentivo à leitura "Leia + Livros", do Leo Terário.

® Leo Vieira- Direitos Reservados 

Nenhum comentário:

Postar um comentário