segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

Leo Vieira no Dia do Quadrinho Nacional

No dia 30 de janeiro, sexta-feira, no Centro Cultural Joaquim Lavoura (Lavourão), em São Gonçalo, foi realizado o Dia do Quadrinho Nacional, celebrando esta arte que alcança várias idades e permanece por várias gerações.
No evento, organizado por Alexandre Martins (animador e quadrinista) tiveram revistas em quadrinhos para exposição e venda. Muitos artistas independentes compareceram e participaram, como Denis Melo, Gilberto Perez, Eberton Ferreira, Alberto Souza, Vinícius Guimarães, Lipe Diaz, entre outros.
No final, eu participei com a palestra sobre licenciamento, onde apresentei 5 exemplos de adaptações de gibi que foram ramificadas para brinquedos e desenhos animados nos Estados Unidos e também 5 exemplos de personalidades nacionais que viraram gibis e suas versões ilustradas foram adaptadas para brinquedos e discos. Também foram mostrados 5 gibis de super-heróis nacionais que foram lançados paralelamente para a TV.
O mercado de entretenimento infantil também não ficou de fora e conhecemos 8 gibis de personalidades da televisão que também ilustraram páginas coloridas e de quebra, ganharam brinquedos e produtos, rendendo bons lucros para os seus proprietários e licenciadores. A palestra foi finalizada com 2 exemplos atuais nacionais que também estão dando certo nesta empreitada.
Fiquei satisfeito em ver que o quadrinho nacional está sendo reavivado aos poucos. No mesmo dia também foi fundada a ABRAHQ (Academia Brasileira de Histórias em Quadrinhos), no Rio de Janeiro. Espero que haja mesmo muitos projetos e atividades envolvendo a turma.

Leo Vieira


Nenhum comentário:

Postar um comentário