quarta-feira, 26 de junho de 2013

Resenha: O Último Beijo (Cacá Adriane)- Editora Dracaena

       Para ser bem sincero, eu odeio livros "vampirescos" e quando eu leio uma sinopse em que uma adolescente ingênua se apaixona por um homem esquisito e arrogante, descobrindo no andar das páginas que ele é um "vampiro vegetariano narcisista e fresco" começa a me dar "urticária literária".
       Porém, como um bom leitor, jamais irei julgar uma obra pelo seu gênero literário. Por isso, me atentarei mais na construção literária e qualidade editorial, ressaltando os pontos fortes.
       "O Último Beijo", apesar do nome, é o primeiro livro de uma trilogia da curitibana Cacá Adriane. Publicado pela Editora Dracaena, a obra de 294 páginas tem uma ótima qualidade gráfica, com uma capa exuberante e acabamento impecável. A sinopse sucinta é convidativa para a imersão imediata na leitura. A trilha escolhida para representar a obra (Aurora- da banda curitibana Haarp) foi bem selecionada pela
autora para aguçar emoções durante o embalo da leitura.
       A história começa com uma boa apresentação de conflito. A heroína da história narra um pesadelo. Jasmim Acaiah (o sobrenome significa "anjo da guarda" em hebraico) é uma adolescente que praticamente vive sozinha (é órfã de mãe e seu pai é muito ausente). Ela conta com a sua melhor amiga Ana, que é tagarela, espevitada e responsável por alguns lances humorísticos na aventura. Tudo muda para jovem Jasmim quando conhece Gabriel De La Cour (o sobrenome significa "o tribunal", em francês), ou Gabe, como ele prefere ser chamado. A história segue num conflito de emoções da personagem, que passa a amá-lo e odiá-lo quase que simultaneamente.
       O livro tem o arquétipo dos romances adolescentes femininos, sem apelar para muitos clichês. Tem algumas características de Crepúsculo, com uma menina dispersa nos pensamentos, que mora sozinha com o pai e tem uma grande experiência na escola, ao conhecer um rapaz excêntrico, misterioso e galanteador. Porém nessa parte de amor e ódio, deixou um ponto interessante, que faz prender o leitor até a última página (sim, eu também li tudo de uma vez). Eu devo ter feito mais caretas que o Calvin durante as quase quatro horas ininterruptas de leitura. O romance provoca fortes emoções. Assim como em um filme de suspense, que faz a gente mudar de posição no sofá e murmurar inutilmente conselhos para a vítima, estapeando a testa várias vezes, em "O Último Beijo" também é assim. Tive vários surtos de revolta no
decorrer dos capítulos. Em muitos momentos, fiquei com muita raiva da Jasmim, que tem uma ingenuidade irritante. Posso até compreender que o fato dela não ter tido mãe e pouca atenção do pai pode até mesmo deixá-la confusa no discernimento para as emoções afetivas, tão comuns na idade. Só que a Jasmim estava apaixonada por um completo cafajeste que tinha namorada na mesma escola. Eram tantos galanteios e
foras alternados que eu cheguei a pensar que a menina não tinha amor-próprio pra
aceitar tamanha humilhação.
       Mas tudo aquilo tinha um sentido e acaba coroando o desfecho da obra com excelência.
       Afinal, o Gabe é vampiro, zumbi, elfo, duende ou outra criatura? Na verdade, ele demonstra não ser nenhum deles, apenas conserva umas características anormais que faz o leitor tentar descobrir ao longo da aventura.
       Os personagens são bem construídos e o romance fecha com um bom gancho para a
continuação ("O Último Olhar"), a qual eu também aguardarei para ler.
       É um romance para meninas, mas é leitura indispensável para escritores que pretendem melhorar a qualidade de construção emocional das personagens femininas.
       Parabéns a autora, Cacá Adriane, que está começando muito bem a sua carreira literária. Parabéns também a Editora Dracaena e para a gráfica Bandeirantes, que deram um ótimo visual para o livro.



 Leo Vieira é autor do livro "Alecognição", pela Editora Lexia.
Escritor acadêmico em 32 Academias de Letras e Associações literárias; ator; professor; Comendador; Delegado Cultural em duas cidades e Doutor em Teologia e Literatura. 

  

3 comentários:

  1. Amei <3
    Obrigada pelo Carinho *-*
    Mto feliz e honrada que tenha gostado!!!

    ResponderExcluir
  2. Uau!
    O que dizer, depois que tudo já foi dito?
    Mas que resenha perfeita!
    Eu também não sou muito fã de "livros 'vampirescos'", mas a resenha até me deixou curiosa...

    ResponderExcluir
  3. Cacá é uma querida !! Um talento , uma simpatia dá gosto de passar por aqui e prestigiar essa resenha tão bem produzida por você Leo , que também vem mostrando sua competência e sabedoria sobre esse universo que respiramos .

    "O último beijo" é magnifico , uma obra que recomendo a todos de bom gosto . Como uma das betas da Cacá posso garantir que o segundo livro vem com muitas surpresas , uma montanha russa de emoções .
    Vocês não perdem por esperar .

    Daniele Nhasser - autora de Amor,és real

    ResponderExcluir